fbpx

Tratamentos

Com os resultados das avaliações, a equipe discute os dados e constrói um plano de tratamento personalizado

Oferecemos terapias individuais, treinos em grupos, uso de plataformas digitais, cujos resultados são comprovados por meio de pesquisas e/ou estão em fase de estudo e com resultados positivos relatados pelos usuários.

O plano de tratamento é entregue ao paciente, quando são discutidas as possibilidades de horários. As metas e estratégias são revisadas periodicamente, e os resultados sempre compartilhados com o paciente e/ou sua família.

Tratamentos

Fonoterapia - Leitura e Escrita

• Essencial para pessoas com dislexia
• Programa feito em módulos
• Ideal para fluência, compreensão de leitura e escrita
• Ocorre em paralelo às adaptações escolares

Pessoas com dificuldades de aprendizagem (atraso em leitura e escrita) ou transtorno específico de aprendizagem (dislexia, disortografia e discalculia) apresentam diferentes graus de severidade em habilidades de linguagem, memória verbal, velocidade de leitura, automatização no uso dos grafemas, interpretação de texto e organização das ideias para produção escrita.

Deste modo, é imprescindível o trabalho com o fonoaudiólogo, profissional especialista em linguagem, que vai traçar o plano terapêutico, para trabalhar as habilidades cognitivas e de linguagem necessárias desenvolvimento da leitura e da escrita.

Considerando o interesse do paciente e a melhor via de recepção dos estímulos, as estratégias podem envolver jogos, brincadeiras, plataformas online, exercícios com papel e caneta.

O trabalho é feito por módulos, organizado por habilidades a serem trabalhadas, o que facilita o acompanhamento pelos pacientes/familiares e revisão constante das estratégias. Nossos módulos incluem e estimulam:

• Estimulação do processamento fonológico;
• Estimulação do processamento semântico;
• Aprimoramento do processamento ortográfico;
• Fluência de leitura;
• Interpretação de leitura;
• Produção textual escrita.

Fonoterapia - Linguagem Oral

• Para atraso de linguagem, transtorno de linguagem e transtorno do espectro autista
• Feita por meio de atividades lúdicas
• Uso de checklist para acompanhar a evolução da terapia
• Orientações para pais e escolas

Crianças pequenas com atraso ou transtorno de linguagem apresentam risco para problemas de aprendizagem no futuro. É importante detectar precocemente, diagnosticar corretamente (por exemplo, problema de fala é diferente de problema na linguagem oral).

Após constatar atraso ou transtorno do desenvolvimento da linguagem, nossas terapias são planejadas de acordo com a necessidade do paciente (por exemplo, compreensão ou expressão, vocabulário, formação de frases, etc).

As terapias são lúdicas, com muita brincadeira e entusiasmo, onde são inseridas as ações e exercícios para facilitar a aprendizagem da linguagem oral.

Algumas brincadeiras e exercícios são filmados e compartilhados com a família, para que possam ser replicados em casa, em situações do dia-a-dia.

Os responsáveis pela criança, assim como os educadores da escola, são participantes fundamentais neste processo.

Um checklist é utilizado para marcar habilidades já adquiridas, facilitando a visão de áreas mais difíceis de se atingir, auxiliando nas condutas como encaminhamentos ou mudança de estratégias.

Intervenção em Habilidades Matemáticas - Discalculia

• Para crianças com dificuldade com senso numérico, conceitos, cálculo, raciocínio e interpretação de problemas
• Alunos do ensino fundamental
• Atuação de fonoaudiólogo, neuropsicólogo e psicopedagogo
• Parceria com a escola

Atendimento voltado para avaliar e intervir quando há queixas na disciplina matemática, percebida por pais ou relatada por escolas. A avaliação é feitA com muito cuidado, envolve profissionais de diversas e informações da escola.

Após detectada a causa e características do aprendiz, um plano é estruturado para estimular a área em defasagem; o atendimento conta muitos jogos, materiais diversos e simulação de situações do cotidiano.

Intervenção para Dificuldades na Escrita

• Para pessoas com trocas na escrita, dificuldades em redigir um texto coerente, caligrafia ininteligível, dor e cansaço ao escrever
• Crianças até adultos
• Atuação do fonoaudiólogo, psicopedagogo e terapeuta ocupacional
• Parceria com a escola

Atendimento voltada para caracterizar o complexo processo de escrever: uso correta da ortografia, organização das ideias, escrita coerente, planejamento e revisão, preensão do lápis e movimentos.

Detectar as áreas de defasagem, elencar as prioridades e os programas corretos é feito a partir da avaliação cuidadosa e discussão em equipe.

COGMED - Treino Cognitivo Computadorizado de Memória Operacional

• Faz parte da reabilitação neuropsicológica
• Usado para pessoas a partir de 4 anos até idosos
• Feito por meio de jogos
• Realizado à distância

O treino é composto por 3 versões: JM (a partir de 4 anos); JM (a partir de 7 anos, crianças e adolescentes alfabetizados) e QM (adultos e idosos). Engloba tarefas de memória operacional fonológica e visuoespacial. O programa é adaptativo, ou seja, torna-se progressivamente mais ou menos difícil, dependendo da performance do participante.

O Cogmed foi desenvolvido por neurocientistas renomados e tem eficácia comprovada. As pesquisas evidenciam resultados positivos e duradouros. Os principais benefícios do treinamento são melhora da(o): memória operacional, foco atencional, raciocínio complexo, controle da impulsividade, capacidade de seguir instruções, concentração, planejamento e organização, motivação e autoestima.

PEI - Programa de Enriquecimento Instrumental

• Feito por neuropsicóloga e fonoaudióloga
• Programa com módulos estruturados
• Melhora funcionamento cognitivo
• Para crianças, adolescentes e adultos

Programa de intervenção cognitiva composto por uma série de tarefas que têm por objetivo otimizar o funcionamento cognitivo de cada criança, adolescente ou adultos.

O objetivo central do programa é a produção de modificações nas estruturas cognitivas dos indivíduos, expandindo o potencial de aprendizagem, aumentando a eficiência intelectual e melhorando a qualidade do desempenho intelectual.

O PEI contribui para melhora das funções cognitivas, aquisição de vocabulário, resolução de problemas em geral, criação de insight e pensamento reflexivo, raciocínio lógico, capacidade analítica e mudança de um papel passivo e reprodutor para um papel ativo e gerador de novas informações.

PAY ATTENTION! – Treinamento de Atenção

• Parte da reabilitação neuropsicológica
• Para pessoas a partir de 4 anos de idade
• Programa estruturado e sequencial
• Aliada a outras terapias para transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

Sistema de treinamento dos processos de atenção para crianças a partir de 4 anos de idade.

Este programa foi modelado de acordo com o programa de treinamento do processo de atenção (Sohlberg & Mateer, 1987a, 1987b).

Inclui atividades adequadas à reabilitação dos problemas de processamento da atenção de crianças.

Os materiais são projetados para remediar dificuldades em habilidades de atenção sustentada, seletiva alternada, dividida, auditiva e visual.

Reabilitação Neuropsicológica

• Programada para cada indivíduo conforme suas necessidades
• Treino em consultório e à distância
• Para déficit de atenção, memória e funcionamento cognitivo
• Auxilia em problemas comportamentais e emocionais

A Reabilitação Neuropsicológica é composta por técnicas e estratégias de intervenção que visam capacitar pacientes e suas famílias à conviver, manejar, contornar, reduzir ou superar déficits cognitivos, como também manejar as alterações emocionais e comportamentais, por meio do ensino de estratégias compensatórias, aquisição de novas habilidades e a adaptação às perdas permanentes.

Visa permitir ao indivíduo o máximo de aquisições possíveis para uma vida mais independente e/ou melhorar a qualidade da mesma. O passo inicial do processo de reabilitação visa possibilitar ao paciente a maior consciência possível de suas capacidades e limitações, o que leva a mudanças na auto-observação.

Psicoterapia

• Para crianças, adolescentes e adultos
• Resolução de conflitos emocionais
• Problemas comportamentais e de socialização
• Reduz os possíveis traumas causados por transtornos de aprendizagem

Indicado para problemas e conflitos emocionais, comportamentais e de socialização, que podem atrapalhar a vida escolar, ou serem resultantes de dificuldades de aprendizagem.

Esta intervenção psicológica especializada a crianças, adolescentes e adultos, tem como objetivo maior autoconhecimento em relação à influência de sua história pessoal, personalidade e padrões relacionais na problemática atual, e o desenvolvimento de recursos cognitivos e emocionais que conduzem à mudança, maior adaptação e realização pessoal.

Alfabetização

• Para crianças com dificuldade no processo de alfabetização
• Geralmente crianças no 1º e 2º anos do ensino fundamental
• Seleção do método de alfabetização apropriado para a criança
• Parceria com a escola

Atendimento voltado para descobrir e estimular habilidades facilitadoras do processo de alfabetização. Essencial para crianças no 1º e no 2º anos do ensino fundamental, com risco para transtorno de aprendizagem, e para pessoas que já tem o diagnóstico e dificuldades marcantes na alfabetização.

O trabalho é estruturado a partir do perfil de aprendizagem da criança, realizado com atividades motivadoras e uso de ferramentas amplamente conhecidas como o método multissensorial e o método das Boquinhas.

Tutoria para inglês

• Aulas e reforços escolares
• Material e método próprio para cada pessoa
• Apoio da equipe de saúde
• Consideração das habilidades e dificuldades cognitivas

Oferecemos aulas, reforço escolar e/ou aperfeiçoamento para a disciplina de Língua Inglesa, realizado por profissional da área com experiência em aprendizagem.

O diferencial é adquirir e desenvolver o idioma com práticas pedagógicas centradas no aprendiz.

O constante trabalho com a equipe em saúde proporciona ao professor de inglês entender as habilidades cognitivas preservadas e alteradas de cada aluno, o que permite o uso de técnicas e materiais mais eficientes.

Integração sensorial

• Auxilia no processamento das informações sensoriais
• TEA (Transtorno do Espectro Autista) e TDAH
• Paralisia Sensorial
• Transtorno específico de Aprendizagem

A integração sensorial é uma metodologia que apresenta como objetivos principais promover a organização cerebral, ou seja, auxiliar no processamento e análise das informações de todos os sistemas sensoriais. Com a organização desses sistemas é possível observar as respostas inatas e adequadas.

As alterações sensoriais podem afetar o comportamento, as atividades de vida diária, as atividades escolares, o convívio com a família e amigos, principalmente as atividades escolares.

Sendo indicada para crianças com Transtorno do Processamento Sensorial, principalmente crianças com diagnóstico de TEA (Transtorno do Espectro Autista), TDAH (Transtorno de Atenção e Hiperatividade), Paralisia Sensorial, Transtorno Específico de Aprendizagem.

Treinamento auditivo em cabine

• Para reabilitação do processamento auditivo
• Exercícios auditivos específicos em cabine acústica (ambiente acusticamente controlado)
• Planejamento personalizado por fonoaudióloga especialista em processamento auditivo central
• Fortalece a neuroplasticidade do sistema auditivo, melhorando a compreensão da fala

O processamento auditivo é um conjunto de ações que o sistema nervoso central realiza para que possamos entender o que ouvimos. Se o processamento auditivo estiver comprometido a pessoa pode sentir dificuldade em diferenciar um som de outro, compreender informações sonoras distorcidas, focar em um som e ignorar os outros, compreender mensagens faladas, etc.

O transtorno do processamento auditivo pode comprometer a aprendizagem. Crianças com as funções auditivas prejudicadas podem, por exemplo, não conseguir discriminar adequadamente os sons das sílabas, confundindo “pa” e “ba”, “ta” e “da”, “fa” e “va”, entre outras sílabas, o que dificulta o aprendizado de leitura e escrita. Em sala de aula, estudantes podem ter dificuldade em focar a atenção na fala do professor, principalmente quando há sons competitivos no ambiente (conversas de fundo de colegas, ruídos externos à sala, entre outros).

A identificação deste transtorno é feita por meio de uma avaliação detalhada, com uma bateria de testes de alta sensibilidade. Esta avaliação é importante para a identificação das habilidades auditivas comprometidas e para a elaboração de um treinamento auditivo personalizado. Este treinamento é realizado em cabine acústica (ambiente acusticamente controlado) e com o uso de softwares específicos.

O treinamento auditivo em cabine desenvolve as funções auditivas centrais, evitando ou minimizando os danos na aprendizagem eventualmente causados pelo transtorno do processamento auditivo.

Agende uma consulta agora mesmo: